sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Nova Ministra da Cultura "reconhece os encantos" das touradas..

Eu, que tenho a mania que sou uma pessoa muito intuitiva, que nada me escapa e que topo à légua a pinta da pessoa, escrevia a 24 de Outubro neste meu blog que tinha um bom feeling em relação à nova Ministra da  Cultura. E, não vale a pena desculpar-me que ando em baixo de forma física e tal. Desculpas não serão aceites. Agora, leiam só este post publicado pelo blog da Animal, no dia 29 de Outubro:

 «A ministra e o deputado

[Sobre a Ministra da Cultura, que esteve presente no Fórum Mundial da Cultura Taurina enquanto Directora Regional de Cultura dos Açores e que, de acordo com os tauromáquicos, "reconhece os encantos" das touradas]

(Por Maurício do Vale. In “Correio da Manhã”, 29 de Outubro de 2009)

Boas notícias dos Açores e do Porto. Uma ministra (da Cultura) e um deputado serão uma mais-valia para a tauromaquia!

Ela - Gabriela Canavilhas - foi a brilhante representante do Governo Regional que presidiu à abertura do Fórum Mundial da Cultura Taurina, que teve lugar na ilha Terceira. Da conversa que tive com a mesma resultou-me um convencimento de que, sem ser perita na matéria, reconhece os encantos da Festa de Touros, confessando-se receptiva a aprofundar conhecimentos, ela que é uma mulher sensível, pianista de relevo, que bem descobre as musicalidades da própria tauromaquia.

Ele - Michael Seufert - é um confesso aficionado. Do Porto chega com as convicções tauromáquicas tão intensas do Norte. Diz que não vai perder nenhuma corrida no Campo Pequeno e noutras praças locais. Em boa hora chega! O "tal" agora deputado que era presidente da Câmara de Viana do Castelo já vai ter quem lhe coloque oportunas questões por causa do ‘assassinato’ da Praça de Viana do Castelo...

A ministra Canavilhas e o deputado Seufert são duas esperanças de quem o país tauromáquico muito espera!

Publicada por ANIMAL em 10/29/2009 12:53:00 PM »

2 comentários:

Turmalina disse...

Eu bem me lembro que vc escreveu sobre a Ministra...
Deviam-lhe pregar umas farpas no lombo para ver se ela ia gostar...

Zoe disse...

é verdade. é o que pergunto sempre: também gostavam que lhes espetassem farpas? ah, é diferente, o touro não sofre, não sofre o tanas...